quinta-feira, 13 de outubro de 2011

Pelas Quebradas... - 2º Seminário Hip Hop Conctando Quebradas

Fui convidado para participar no dia 29/10 do Seminario Hip Hop Conectando Quebradas, que teve como tema "De Inocência a Maria da Penha" ... A banca Audacia conta como foi...

O projeto “Hip Hop Conectando Quebradas: de Inocência a Maria da Penha” tem como diretriz a inserção social e cultural de mulheres com o objetivo de ampliar a consciência dos grupos culturais de HIP HOP a necessidade de se combater todas as formas de violência em especial à violência contra a mulher utilizando como ferramenta oficinas culturais de DJ e MC seguidos de Seminários com a temática de Gênero.
Tiveram na mesa três grande convidados para compartilhar suas experiências, Dona Eda contando ações e iniciativas realizadas no CIEJA Campo Limpo, Priscila Assistente Social Abrigo Raio de Sol relatando os vários tipos de violências que acontece nas famílias e consequentemente os filhos é quem “pagam o pato”, sendo acolhido por abrigos e Israel – Reviva Rap trazendo questões em relação a mulher dentro da Cultura Hip Hop e dizendo – “O Rap ainda é machista com poucas mulheres atuantes dentro do movimento, em comparação há quantidade de homens que vivem o Hip Hop, mas a cada dia as mulheres vem se apropriando da cultura e conquistando o seu espaço”, com a mediação de Fabiana Ivo do Centro Maria Maria.

Nenhum comentário:

Postar um comentário